Criatividade capa

Criatividade: a arma mais poderosa na batalha pelas vagas de emprego

O mundo mudou, e o mercado de trabalho também. Na geração do diploma, a criatividade vale muito mais que um bom currículo para se destacar e conquistar um bom emprego. Você está preparado?

07 de Março

Compartilhar

Fomos condicionados a acreditar que 6 horas em sala de aula durante anos da nossa vida, do ensino fundamental à graduação – ou até mesmo mais que isso, se quisermos ir mais longe que os demais, são a garantia de um futuro próspero e estável. Estude, escolha um curso aos 18 anos, passe no vestibular, estude ainda mais, faça um estágio, sorria nas fotos de formatura, pegue seu diploma e se torne... exatamente igual aos outros.

Este sistema de ensino, criado pelas gerações que vieram antes da revolução digital, pode até ter funcionado para os nossos pais, mas certamente não é mais tão eficaz, e vai te deixar na mão se você não mudar sua atitude diante dele.

Eis aqui o segredo: se você quer ser bem-sucedido, seja raro. O que você tem a oferecer, que ninguém mais tem? O que você já construiu, já conquistou ou já fez por iniciativa própria? Se você não conseguiu pensar em nada, é hora de começar a agir!

A criatividade é o motor da civilização, e é a arma mais poderosa em um cenário de competição cada vez mais acirrada pelos mesmos caminhos profissionais. E você? Quer pegar a estrada mais congestionada, ou quer fazer sua própria trilha? Inovar é preciso, não só em termos de carreira, mas em vários aspectos da vida. Ser criativo é se arriscar a fazer algo de maneiras diferentes, reconhecer que os erros são parte fundamental do sucesso, enxergar soluções onde outros enxergam problemas, e acima de tudo, é manter a mente sempre disposta a aprender.

Mas afinal, a criatividade é um dom de poucos ou é possível ajustar nossas mentes para pensar fora da caixa?

Nosso cérebro é um órgão plástico; podemos e devemos moldá-lo ao longo da vida, adquirindo novas habilidades e treinando-o constantemente. Com a criatividade não seria diferente, e alguns hábitos podem te ajudar a ter insights importantes.

Caminhe

Longas caminhadas e exercícios físicos são hábito frequente de grandes gênios, pois além de manter o corpo são, também mantêm a mente sã. Percorrer caminhos diferentes dos habituais indo para a faculdade ou trabalho podem te inspirar e te ajudar a ter novas ideias.

Invista em tempo livre

Guarde um tempo da sua rotina para ler, ver um filme, escrever e pensar em coisas “impossíveis” (por que não?). Uma mente criativa está sempre aberta e capturando observações do mundo ao seu redor.

Converse

Trocar ideias com amigos e desconhecidos é uma ótima forma de ser apresentado a novas perspectivas, elaborar argumentos e conhecer novos projetos. Aumente sua rede de contatos para ter um círculo de influência mais diverso.

Para se inspirar

Criatividade S.A

Este livro escrito pelo fundador da Pixar Ed Catmull é uma lição de ingredientes que se unem em uma incrível história de como a imaginação, persistência, trabalho duro e vontade de se superar criaram uma das empresas mais icônicas da indústria do entretenimento, mãe de sucessos como Toy Story, Procurando Nemo e Monstros S.A.  Criatividade e inovação estão do DNA da Pixar e de seus fundadores, como Steve Jobs, face da empresa mais valiosa do mundo, a Apple. Vale a pena ler e se inspirar neste relato que vai te fazer acreditar que todos os seus sonhos podem se tornar realidade.

As escolas matam a criatividade?

Ken Robinson tenta responder a esta pergunta em uma bem-humorada palestra de 20 minutos. Qual o papel do sistema de ensino na educação dos jovens e como resgatar a criatividade, dando espaço para a imaginação e experimentação dentro de uma grade prefixada de matérias?

Assista ao vídeo aqui: 

 

Teoria das Múltiplas Inteligências

“Todo mundo é um gênio. Mas, se você julgar um peixe pela sua habilidade de escalar uma árvore, ele passará toda a sua vida acreditando que é estúpido”.

Você sabe qual é o seu tipo de inteligência? Este teste pode te ajudar a descobrir. Se você nunca se encaixou nos padrões de excelência acadêmica, saiba que isso não significa que você não tenha um grande potencial a ser desenvolvido. Descobrir qual é seu tipo de inteligência predominante pode te ajudar a direcionar seu foco e seus esforços em direção a um rumo profissional mais adequado e que te trará mais prazer e sucesso.

Saiba mais sobre os tipos de inteligência:

http://www.ibccoaching.com.br/portal/coaching-e-psicologia/o-que-sao-multiplas-inteligencias/

 

Compartilhe conosco suas ideias, e nos conte em quais situações a criatividade já te rendeu bons resultados!

Voltar para o Blog